REVISTA ECIPERU 1 (2004) 5– 7

COMPARAÇÃO ENTRE RESULTADOS COMPUTACIONAIS E EXPERIMENTAIS DO COMPORTAMENTO TÉRMICO DE UM AMBIENTE

Edi Terezinha de Oliveira Grings, Paulo Otto Beyer

DOI: https://doi.org/10.33017/RevECIPeru2004.0002/

RESUMO

O presente trabalho apresenta uma comparação entre resultados computacionais, obtidos através do “software” EnergyPlus, e experimentais do comportamento térmico de um ambiente condicionado e não condicionado. Para tanto, monitoraram-se os dados climáticos de radiação, velocidade do vento e temperatura, no período de 11 a 20 de janeiro de 2002, e produziu-se um arquivo climático. Simultaneamente foi feita a aquisição das temperaturas de uma salateste, localizada no terceiro pavimento de um prédio na cidade de Porto Alegre. As temperaturas do ar de insuflamento e de retorno dos condicionadores de ar, localizados na sala, foram medidas durante o dia, em seis dias do período de monitoramento. A velocidade do ar de retorno foi coletada e calculou-se a potência sensível de refrigeração. Os resultados da carga térmica e temperatura ambiente da sala-teste obtidos nas simulações foram comparados com os dados experimentais. Houve uma boa concordância entre os resultados computacionais e experimentais.

Palavras-chave: Comportamento térmico de edificações, Simulação térmica de ambientes, EnergyPlus

ABSTRACT

This work presents a comparison between computational results, obtained through the use of the software EnergyPlus, and experimental results of the thermal behavior of an air-conditioned and non-air-conditioned environment. In order to do that, climatic data on radiation, wind speed and temperature were monitored in the period between the 11 and 20 of January 2002 and a climatic. Simultaneously, the temperatures of a test-room, situated on the 3rd floor of a building in the town of Porto Alegre, were collected. The suply and return temperatures of the air conditioners, situated in the testroom, were measured during the day, in 6 days of the monitoring period. The return air speed was measured and refrigeration sensitive capacity calculated. The results of the thermal load and the environmental temperature of the testroom obtained in the simulations were compared with the experimental data. There was a good agreement between the
computational and experimental results.

Keywords: Thermal behaviour of a construction, Simulation thermal of and environment, EnergyPlus.

Trabajo Completo en Pdf

Deja un comentario